maio 20, 2009

UM LIVRO ATUAL


O mundo hoje é melhor devido a influência da Bíblia. Mesmo os inimigos da Bíblia admitem que nenhum outro livro em toda a história da humanidade, teve influência tão benéfica sobre a vida de quem o lê quanto o Livro Santo. Eles reconhecem o seu efeito sadio na civilização. Nenhum outro livro tem poder de influenciar e transformar beneficamente, não só indivíduos, mas nações inteiras, conduzindo-os a Deus.

Disse o Doutor F. B. Meyer, eminente comentador devocional da Bíblia: "O melhor argumento em favor da Bíblia é o caráter que ela forma."

O tempo não afeta a Bíblia. É o livro mais antigo do mundo, e, ainda assim, o mais moderno. Em mais de 20 séculos séculos o homem jamais foi capaz de melhorá-la. Se a Bíblia fosse de origem humana, é claro que há muito ela estaria desatualizada. Uma vez que o homem se jacta de tanto saber, era de se esperar que já tivesse produzido uma Bíblia melhor! Para o salvo, isto é uma evidência da Bíblia como a Palavra imutável do Deus eterno.

A Bíblia nunca torna-se um livro antigo apesar de ser cheio de antigüidades. Ela é tão atual como o jornal do dia de amanhã. Sua mensagem milenar satisfaz tanto a criança como o encanecido velho. Ela pode ser lida vezes sem conta, sem se poder sondar suas profundezas e sem que o leitor perca o interesse. Acontece isso com os demais livros? Quem já se cansou de ler João 3.16, Salmo 23, Romanos 12 e I Coríntios 13? É que cada vez que lemos tais passagens (para não falar das demais) descobrimos coisas que nunca tínhamos visto antes. Depois de quase 2.000 anos de escrito o último livro da Bíblia, a impressão que se tem é que a tinta do original está ainda secando.

Através do mundo inteiro, qualquer crente, ao ler a Bíblia, recebe sua mensagem como se esta fosse escrita diretamente para si. Nenhum crente tem a Bíblia como livro alheio, estrangeiro, como acontece com os demais livros traduzidos. Todas as raças consideram a Bíblia como possessão sua. Nós a recebemos como "nossa". Isto acontece em qualquer país onde ela chega. Isto prova que ela procede de Deus - o Pai de todos.

- Qual a pessoa que ao ler o Salmo 23, acha que ele foi escrito para os judeus? Para nós, por exemplo, que vivemos no Brasil, a impressão que temos é que ele foi escrito diretamente para nós. A mesma coisa dirão os irmãos dos demais países do mundo. A mensagem da Bíblia é a mesma em todas a línguas. Nisto vemos que a Bíblia é diferente dos demais livros do mundo. Esta é mais uma prova de sua origem divina.

É muito interessante comparar, nalguns pontos, os ensinos da Bíblia com os demais livros escrito pelos fundadores e mestres das religiões pagãs. Assim fazendo, verificamos que os ensino da Bíblia superam os desses homens em todos os pontos imagináveis. Só dois pontos vamos destacar acerca da superioridade das Escrituras Sagradas.

A Bíblia contém mais verdade que todos os demais livros juntos. Ajunte, se puder, todos os melhores pensadores de toda a literatura antiga e moderna; retire o imprestável; ponha toda a verdade escolhida num volume e este jamais substituirá a Bíblia.

A Bíblia só contém verdade. Se há mentiras na Bíblia, não são dela; apenas foram nela registradas. Ao passo que os demais livros contêm verdade misturada com mentira e erro. Reconhecemos que há jóias preciosas nos livros dos homens, mas, é como disse certa vez Joseph Cook: "São jóias retiradas da lama!..." Qualquer verdade encontrada na literatura humana, seja do ponto de vista moral ou espiritual, acha-se em essência na Bíblia

Se a Bíblia fosse um livro de origem humana, ela não poria a descoberto as falhas do homem. Os homens jamais teriam produzido um livro como a Bíblia, que só dá glória a Deus enquanto mostra a fraqueza do homem. A Bíblia tanto diz que Davi era um homem segundo o coração de Deus, como revela seus pecados, como vemos nos livros de Reis, Crônicas e Salmos. A Bíblia registra ainda o caso da embriaguez de Noé, a dissimulação de Abraão, o caso de Ló, a idolatria e luxúria de Salomão. Nada disto está escrito para os imitarmos, mas para nossa admoestação e para provar a imparcialidade da Bíblia. Ela é o único livro assim.

"O homem jamais escreveria um livro como a Bíblia, que põe em relevo as fraquezas e defeitos humanos".

2 comentários:

Luzier disse...

MULHER ADORADORA.olha eu aqui outra vez,sábia as suas palavras irmã Jonara.a biblia e a infalivel palavra de Deus,nela encontramos sabedoria,vida eterna e um livro santo e de milagres,em nenhum livro vamos encontra frases lindas,e de conforto; vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos,eu vos aliviarei.mais tambem traz mensagem de justiça e de juizo.a paz do senhor

Jonara disse...

Paz Luzier!!!
Prazer, em revê-lo, ops, relê-lo (rs,rs)...
Pois é, a bíblia é sempre a melhor solução, pra tomar decisões, pra aprender, pra ensinar, pra viver, pra ouvir Deus falar, e muito mais.
As vezes nos abstemos de lê-la, mas,não existe outra verdade a não ser ela, a Bíblia. Nosso manual de conduta espiritual e física.

Paz...